topo 1

Quarta, 23 Janeiro 2019 15:57

Poder Legislativo de São Domingos aprova Projeto de Lei em Sessão Extraordinária para beneficiar CTG Quero-Quero

A Câmara Municipal de Vereadores de São Domingos, apesar do recesso parlamentar determinado por Lei, esteve reunida na primeira Sessão Extraordinária deste ano na noite de terça-feira (22), no Plenário da Casa Legislativa.

Os trabalhos da Sessão Extraordinária convocada pela Prefeita iniciaram com a leitura da mensagem do Projeto de Lei nº 001/2019, que autoriza o chefe do Poder Executivo a conceder subvenção social ao CTG Quero-Quero e dá outras providências. 

Logo, este Projeto foi baixado simultaneamente para a Comissão de Justiça e Redação e para a Comissão de finanças, Orçamento e Fiscalização. Devido a urgência que a matéria exige, a Sessão foi suspendida por até 15 minutos para a possibilidade das Comissões analisar e apresentar os pareceres ao Projeto.

Após as análises e pareceres das Comissões, a Sessão seguiu com a discussão e votação do Projeto de Lei nº 001/2019.

Em discussão, a Vereadora Paula Baldissera (PSDB) que, assim como aconteceu no ano passado, novamente se posicionou contra a aprovação deste Projeto. Ela esclareceu que não tem nada contra nenhum membro do CTG, realização do rodeio e Tradição Gaúcha. No entanto, a Vereadora Paula defende que São Domingos tem outras prioridades como pessoas que moram em casas sem condições de habitação que procuraram a Assistência Social e não foram atendidas. Paula Baldissera apontou ainda que há muito tempo as pessoas do bairro Nossa Senhora Aparecida estão aguardando a reforma da cobertura do Pavilhão daquele bairro que, como ela salientou, é utilizado por muitas entidades para fins sociais e, inclusive, pela Prefeitura no ato da distribuição de medicamentos. Ainda conforme a Vereadora, a APA protocolou no final do ano passado um ofício solicitando auxílio do Poder Executivo. Porém, esta entidade continua sem o apoio do Poder Executivo e nem da Vigilância Sanitária. A Vereadora Paula Baldissera garantiu que se todas estas e demais entidades também forem atendidas ela também será favorável ao repasse de R$ 5,2 mil ao CTG Quero-Quero.

O Vereador Abílio Debortoli (PSDB) apesar de concordar com o posicionamento da Vereadora Paula no sentido de tentar exigir uma atenção maior por parte do Poder Público para com as entidades, se posicionou favorável ao Projeto de Lei nº 001/2019. Abílio também espera que a Prefeita atenda a todas as manifestações feitas até o momento pelas demais entidades e não beneficie somente a mesma todo os anos.  Contudo, ele reconheceu que o CTG é uma entidade merecedora que representa uma tradição familiar e que precisa deste apoio para dar continuidade aos rodeios.

O Vereador Vianei Meoti (PT), favorável ao Projeto, também reconhece que todas as entidades são importantes desde que as pessoas sejam colocadas em primeiro lugar. Segundo o Petista, todas as entidades recebem recursos públicos; mas, agora, é a vez o CTG Quero-Quero. O Vereador Meoti recordou a história do CTG Quero-Quero, fundado em 1994 e em 2007 foi declarado de Utilidade Pública, onde muitos cidadãos sãodominguenses já fizeram parte e tantos cidadãos ainda participam desta entidade com representantes em rodeios nacional e estadual. Ainda, de acordo com o Vereador, apesar do apoio ser de R$ 5,2 mil, o CTG Quero-Quero vai investir mais de R$ 50 mil para realizar o rodeio nos dias 1º, 02 e 03 de fevereiro.

A Vereadora Sílvia Baggio (MDB) se manifestou favorável ao Projeto que concede subvenção social ao CTG Quero-Quero pelo resgate da Tradição Gaúcha e por simbolizar o encontro de famílias que envolve a participação de crianças, jovens e adultos. A Vereadora Sílvia, apesar de ser a favor do CTG Quero-Quero, também é a favor de todas as demais entidades do Município e é conhecedora de todas as necessidades e dificuldades enfrentadas por cada entidade. No entanto, segundo ela, agora, o momento é de valorizar a Tradição Gaúcha de São Domingos.

O Vereador Milton Bertoldi (PT) que também é favorável ao auxílio de subvenção social ao CTG Quero-Quero, também reconhece a importância de cada entidade. Por isso, o Vereador Bertoldi também valoriza este grupo de pessoas que fazem parte do CTG Quero-Quero por estarem preocupados em manter o objetivo de manter viva a tradição gaúcha neste Município, assim como em nível estadual e nacional.

Em votação, o Projeto de Lei nº 001/2019 foi aprovado pela maioria dos Senhores Vereadores.

No final da Sessão, o Senhor Presidente da Câmara Municipal de Vereadores de São Domingos, Luiz Chimello (PSB), solicitou à Secretaria da Casa Legislativa para comunicar o resultado da votação ao Poder Executivo e anunciou a primeira Sessão Ordinária do ano para o dia 19 de fevereiro de 2019, às 19h, aberta ao público e com transmissão em rede social através do Facebook.