topo 1

Quinta, 01 Agosto 2019 11:29

Legislativo de São Domingos esteve reunido para a Quarta Sessão Ordinária do mês

Na ordem do dia houve a discussão e votação do Projeto de Lei nº 015/2019, que dispõe sobre a abertura de crédito adicional suplementar no orçamento de 2019 e dá outras providências, e a discussão e votação da Redação Final do Projeto de Lei Complementar nº 001/2019, que autoriza o município de São Domingos a efetuar a concessão a título precário, à empresas sediadas neste município, de terrenos localizados na Área Industrial deste município e dá outras providências, sendo que ambos os projetos foram aprovados por todos os vereadores. Também houve a leitura das Indicações nº 002/2019 e nº 003/2019, do vereador Abílio, da Indicação nº 006/2019, do vereador Milton, e da Moção de Repúdio nº 001/2019, do vereador Gleicon. Em votação, todas as Indicações e a Moção de Repúdio foram aprovadas por todos os vereadores. 

Nas comunicações parlamentares, o vereador Milton iniciou relembrando o secretário de obras sobre alguns serviços que devem ser realizados no Distrito do Maratá, bem como solicitou a recuperação da estrada na Linha Cascata que liga até a propriedade do Sr. Rodrigo Scheffer. Falou sobre a contratação do médico veterinário que já está atuando no município.

A vereadora Paula solicitou ao secretário de obras que quando for procedida a pintura da sinalização de transito que seja observado e preservado as entradas de garagens das residências, uma vez que na extensão da Rua Duque de Caxias foi pintada toda a extensão em branco o que significa a permissão de estacionamento trazendo transtornos ao acesso as propriedades. Paula novamente solicitou iluminação pública na Rua Darci Baldissera e lembrou que as pessoas ali residentes pagam tributos principalmente a COSIP. A Vereadora ainda comentou sobre a situação que encontra-se o bueiro perto da propriedade do Sr. Adilson Nunes de Carvalho. Ao final, falou que participou da audiência pública que visa a regularização de um pátio para os veículos apreendidos de São Domingos registrando sua preocupação com este projeto, uma vez que segundo foi mencionado na audiência, o valor a ser investido é alto e a expectativa de retorno financeiro aos interessados é baixo, o que pode inviabilizar o interesse em se participar de futura licitação e consequentemente a situação atual permanecer sem solução.

A vereadora Silvia solidarizou-se com a Família Iesbik pela perda do Sr. Mario Iesbik, solicitando um oficio de pesar para a família enlutada.

Na Tribuna, o uso foi concedido primeiramente a vereadora Simone Valentini que, dentre tantos assuntos, agradeceu a Celesc que esteve atendendo sua solicitação de iluminação em frente a casa do Sr. Ivo. Registrou sua indignação aos horários que estão sendo realizadas as audiências públicas, uma vez que os vereadores e funcionários trabalham em horários de expediente e não conseguem participar. Por fim, discorreu sobre o problema que vem acontecendo no município, ante a falta de regularização de alguns documentos para festividades, justificando que os jovens não possuem um local seguro para a hora do lazer, ficando eles nos portais da cidade e refúgios, pedindo para que seja disponibilizado pela Prefeita Municipal um horário para discussão deste infortúnio. 

Na sequência, a vereadora Silvia falou sobre sua solicitação ao líder de governo para que apresentasse à Casa informações sobre os computadores da Biblioteca Municipal e que até o momento não foi repassado, cobrando para que traga estas informações até a Câmara de Vereadores. Discorreu sobre as falas da Prefeita na Rádio, a qual informa que abrirá um processo administrativo contra empresas que estiveram realizando licitações na Prefeitura e que entregaram equipamentos e serviços de má qualidade, pedindo Silvia que a Prefeita lembre da empresa que esteve fazendo a pavimentação asfáltica no município, uma vez que há ruas em São Domingos onde possuem buracos no asfalto, como pode-se ver na Rua São Cristóvão. Em relação a Secretaria de Assistência Social, falou que a população que procura esta Secretaria, que são munícipes que realmente precisam, estão sendo muito mal atendidos e que não recebem a devida orientação.

Luiz Chimello, por fim, solicitou ao secretário de obras que veja da possibilidade de restaurar a estrada que liga a propriedade do Sr. Amarildo Rovani, na comunidade do Maratá, que encontra-se em péssimas condições. Também falou que irá dar prioridade ao Projeto que entrou na Casa para que seja adquirido a ambulância para os Bombeiros.

A próxima sessão está marcada para segunda-feira, dia 05, às 19h.