topo 1

Quarta, 14 Junho 2017 19:26

Sessão Ordinária do dia 13/06/2017

Poder Legislativo de São Domingos se reúne para a segunda sessão do mês e a quarta consecutiva sem Projetos da Administração Municipal

O Poder Legislativo de São Domingos novamente esteve reunido para a segunda sessão ordinária deste mês e a quarta sessão ordinária consecutiva sem Projetos enviados pela Administração Municipal à Casa de Leis, na noite de terça-feira (13), no Plenário da Câmara de Vereadores.

Na Ordem do Dia, foi feita a leitura, discussão, votação e aprovação por unanimidade do Pedido de Informação 001/2017, da Vereadora Paula Andréia Baldissera (PSDB), para que a Administração Municipal encaminhe à Casa Legislativa informações relativas se o município tem prestado serviços de construção e reforma de obras a particulares, qual o critério utilizado para realizar o serviço e disponibilizar os servidores e se tem cobrado pelos serviços prestados. Paula disse que fez este Pedido de Informação porque fora procurada por várias pessoas que também pediram para a Prefeitura fazer estes trabalhos e ainda não foram atendidas.

O Vereador Vianei Meoti (PT), nas Comunicações Parlamentares, comentou que no dia 15 de junho comemora-se o Dia Mundial de Combate à Violência Contra a Terceira Idade. “Esta data é muito importante para que as pessoas sejam sensibilizadas com relação aos cuidados para com as pessoas da terceira idade”, enfatizou o Vereador.

Depois, o Vereador Luiz Chimello também ocupou o espaço das Comunicações Parlamentares para pedir ao Governo Municipal para ver da possibilidade de beneficiar o agricultor Roni Rotava que precisa de um serviço de terraplanagem. “Eu entendo que depois do excesso de chuvas as prioridades são as estradas, mas queremos que esse pedido seja atendido”, espera.

No Uso da Tribuna, o Vereador Gleicon Cardoso (PMDB) comentou sobre o turismo e lazer para a juventude que frequenta a Prainha Camping São Domingos. “A Prainha tem um espaço muito amplo com churrasqueiras, quiosques, campo de futebol, quadra de areia, piscinas, restaurante, bom acesso asfáltico; no entanto, este espaço é muito pouco utilizado e poderia ser aproveitado por outras entidades e instituições para promover vários eventos e oferecer mais opções de lazer a toda a população, principalmente  aos jovens do nosso Município”, defende.

Na sequência da sessão, a Vereadora Paula Baldissera mostrou-se preocupada com as rachaduras nas paredes da academia de ginástica e musculação junto à Clinica Municipal Santa Paulina. “Para uma obra concluída há três anos as rachaduras estão muito grandes”, avalia. Outro assunto questionado pela Vereadora foi com relação às placas de sinalização que foram danificadas e ainda não foram repostas pela Prefeitura de São Domingos.

Logo, o Vereador Milton Bertoldi (PT), também no Uso da Tribuna, comentou que as discussões na sessão são muito importantes e concorda com a Vereadora Paula Baldissera quando ela se refere que as placas que foram danificadas sejam recolocadas para oferecer melhor segurança aos condutores de São Domingos e da região que trafegam principalmente pelo interior do município.

Por outro lado, a Vereadora Silvia Rozani de Brito Baggio (PMDB), ao fazer o Uso da Tribuna, voltou a destacar a importância da sua indicação feita na sessão passada para o Poder Executivo aumentar as vagas de estacionamento no Centro da cidade de São Domingos. “Tiraram parte da Avenida Irineu Bornhausen para fazer o calçadão, mas o ex-prefeito não se preocupou com o estacionamento”, aponta. “Os idosos estão nos procurando pra saber sobre os estacionamentos porque, principalmente nos dias de chuva, fica muito difícil a locomoção”, salientou.

A Vereadora sugeriu para a Prefeita fazer estacionamentos sobre os canteiros no meio da Avenida Irineu Bornhausen, em frente a Floranabel, mas que não sejam retiradas as arvores. Ela também disse que foi procurada pela população que quer saber por que não tem mais atendimento odontológico noturno na unidade de saúde do Bairro Esperança. Sílvia falou também que foram feitas muitas outras indicações, mas até o momento a Câmara de Vereadores não teve resposta da Prefeita.

Também na Tribuna, a Vereadora Simoni Zarembski (PT) enalteceu o Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos e Secretaria de Agricultura pelo trabalho desenvolvido no Peti. A Vereadora comentou também que, na sexta-feira passada (09) participou do Grupo Nascer Saudável. Já, com relação aos ginásios de esportes dos distritos de Maratá e Vila Milani, ela comentou que levaram cerca de 10 anos para serem concluídos.

Já, o Vereador Vianei Meoti, na Tribuna, falou sobre o convênio que existia entre o Município e a Cidasc, através do qual, o Municipio disponibilizava o Médico Veterinário. “Este profissional era disponibilizado pelo Governo Municipal para prestar serviço para a Cidasc e não ao contrário”, explicou. Ele argumentou que a Cidasc até disponibiliza um Médico Veterinário de uma empresa terceirizada para fazer a regularização nas propriedades, bem como a emissão do selo da propriedade certificada e emissão do GTA.

A Vereadora Simone Valentini parabenizou a equipe de futsal feminino que por conta própria muito bem representa o Município de São Domingos na região. “Elas venceram o campeonato de Galvão e, hoje, disputam outro campeonato no município de Ipuaçu, sem ajuda com os custos e com muitas dificuldades enfrentadas”, destacou.

Por fim, o Presidente do Poder Legislativo, Vereador Abílio Vlademir Debortoli (PSDB), comentou na Tribuna que o atendimento da Saúde do Município precisa melhorar. “Já tivemos gente que morreu em casa por falta de ambulância e de atendimento”, ressalta. Abílio garantiu que trabalhará muito para que sejam abertas vagas de internamentos na clinica Santa Paulina para pessoas que necessitam de atendimento em São Domingos e que isto foi cortado pelo Governo do PT, em 2010. “A partir daí, as pessoas humildes são levadas para Xanxerê, Chapecó, Maravilha, Irani e as famílias não podem as acompanhar porque não se tem condições financeiras”, reconhece. De acordo com ele, hoje, a preocupação de São Domingos é com a saúde preventiva e deixa de lado a curativa.

Abílio Debortoli comentou também que o Governo do PT acabou com o Brasil por causa de tantos roubos e ainda tem gente de São Domingos que vai até lá (Brasília) só para aplaudir os corruptos. O Parlamentar questionou novamente o porquê da obra da nova escola estar parada e fechada com um cadeado e, no final do seu pronunciamento, falou ainda que o povo reclama muito que R$ 600 mil foi muito dinheiro para serem construídos apenas dois portais no Município e ainda levaram quatro anos ou até mais para serem concluídos. “Queremos que o poder executivo a traves da prefeita  pense em projetos grandes como, por exemplo, uma área industrial para alguém que queira se instalar e investir e gerar mais emprego e renda para o município”, conclui.

Após seu pronunciamento, o Presidente do Legislativo encerrou a Sessão e marcou a próxima sessão Ordinária para a próxima terça-feira, dia 13 de junho, sempre aberta ao público interessado em acompanhar o trabalho dos Vereadores de São Domingos e estar por dentro dos assuntos políticos do Município.