topo 1

Sexta, 03 Novembro 2017 11:35

Sessão Ordinária do dia 31/10/2017

Poder Legislativo de São Domingos esteve reunido na última Sessão Ordinária de outubro
O Poder Legislativo de São Domingos esteve reunido no Plenário da Câmara Municipal de Vereadores ocupado por um número considerado de munícipes, na noite de terça-feira (31).
Na Hora do Expediente, houve a leitura da Mensagem e do Projeto de Lei nº 018/2017, que estima a receita e fixa a despesa do Município de São Domingos para o exercício de 2018 e dá outras providências. O Projeto foi baixado para análise da Comissão de Finanças e Orçamentos para parecer preliminar em 10 dias.
Na Ordem do Dia, a discussão e votação do Projeto de Lei nº 016/2017 que dispõe sobre a abertura de crédito adicional suplementar no orçamento de 2017 e dá outras providências. O Projeto foi aprovado por unanimidade.
Na sequência, houve a discussão e votação da Indicação Conjunta nº 01/2017 das Vereadoras Paula Andréia Baldissera (PSDB) e Simone Valentini (PSB) para que a Administração Municipal veja da possibilidade de proceder a pavimentação asfáltica ou pedras irregulares com a construção de galeria de água pluvial nas ruas Ignes Aiolfi, Barão do Rio Branco, Argentina e Paraguai, situadas no loteamento popular do bairro Esperança.  A Indicação também foi aprovada por unanimidade.
Nas Comunicações Parlamentares, o Líder de Partido Milton Bertoldi (PT), parabenizou a Rádio Clube pelo aniversário de 33 anos e a enalteceu pela sua audiência muito maior que a televisão.
A Líder Sílvia de Britto Baggio (PMDB) comentou sobre o relevante trabalho prestado pelos servidores públicos que comemoraram o seu dia no sábado passado. Ela comentou sobre o comprometimento e a responsabilidade dos servidores Inelso Marmentini, o Edson Rosalem e a enfermeira Giovana que fizeram mais de três mil quilômetros para irem buscar a adolescente Alessandra Zarembski. Desejou que os servidores continuem desenvolvendo este importante trabalho ao povo sãodominguense. A Vereadora Sílvia também parabenizou a Rádio Clube pela passagem dos 33 anos.
O Líder de Governo Vianei Ferrarini Meoti (PT), assim como na última sessão, parabenizou novamente o servidor público e o enalteceu pela importância do trabalho prestado ao Município. Ele parabenizou a equipe do tênis de mesa que no final de semana passado trouxe 10 medalhas para o Município de São Domingos. O Vereador Vianei Meoti também parabenizou a Rádio Clube pelo 33º aniversário e valorizou o relevante trabalho prestado pela emissora à comunidade com informação e prestação de serviços.
No Uso da Tribuna, a Vereadora Simone Valentini lamentou pela baderna feita por algumas pessoas que assistiram à Sessão Ordinária da semana passada. Ela comentou da sua visita às pessoas que tiveram o coberto das suas casas atingido pela ação das chuvas e dos granizos e posteriormente fez outra visita para fiscalizar se estas pessoas foram atendidas adequadamente pela Defesa Civil. Solicitou algumas obras da Prefeita. Simone lamentou pelo fato de alguns funcionários públicos mentir e distorcer informações sobre a denúncia dos seis Vereadores ao Ministério Público a respeito do transporte pago com o dinheiro da Assistência Social a pessoas que se deslocaram a outro município para participarem de ato político enquanto outras entidades não recebem auxílios. Simone Valentini também parabenizou a Rádio Clube pela passagem dos 33 anos. Novamente cobrou obras da Prefeita com relação a várias indicações que nunca foram atendidas, bem como ações para beneficiar o esportes e a terceira idade.
A Vereadora Simoni Zarembski (PT) comentou sobre a Nota de Esclarecimento da Mesa Diretora publicada no Jornal do Povo e lamentou por ser segunda secretária não ter sido chamada para participar desta Nota. Ela exigiu ao Senhor Presidente uma retratação para ser publicada nos meios de comunicação e rede social e publiquem o nome dos Vereadores que fizeram esta denúncia, sob ameaça de denúncia ao Ministério Público. A Vereadora Simoni repudiou a palavra facção usada pelo Senhor Presidente e pela atitude por ele tomada na última sessão. Simoni enfatizou a sua presença em seminário em Ipuaçu no dia 27 pelo fim da violência doméstica contra a mulher. Ela convidou a todos para o seminário que será realizado em São Domingos para discutir a igualdade do homem e da mulher.
O Vereador Vianei Meoti criticou severamente o Senhor Presidente por permitir desordens e pela dificuldade de conduzir as sessões. Lamentou pela denúncia feita pelos seis Vereadores ao Ministério Público. O Vereador Vianei Meoti disse não aceitar que atitudes como estas continuem e que todos sejam tratados de maneira igualitária sem prejudicar alguém pelo preconceito e diferenças de tratamento entre classes. Para Meoti, querem prejudicar a Prefeita e o Partido dos Trabalhadores. Cobrou do Senhor Presidente ações para manter a ordem, o respeito e trabalhar para todos sem prejudicar ninguém e valorizar os mais humildes e não fazer denúncias para tirar direitos.
Por outro lado, o Vereador Luiz Chimello (PSB), dentre suas discussões e reivindicações, mostrou indignação pelas estradas esburacadas e as discriminações da Prefeita à população de São Dmingos feitas na reforma de estradas e serviços prestados a agricultores, bem como aos empresários que ainda não tiveram as reivindicações atendidas. Também mostrou-se indignado com a situação de alguns funcionários públicos mentir para os idosos do Município. O Vereador Luiz Chimello também tem cobrado várias ações da Prefeita em vários setores públicos do Município.
A Vereadora Sílvia Baggio lamentou pelo tumulto que ocorreu na última sessão. Segundo ela, isto foi provocado por pessoas convidadas pelos Vereadores do PT e por funcionários públicos comissionados, ou seja, cargo de confiança da Prefeita que ela os acusou de terem usado telefones e carros públicos para convidar as pessoas mentindo que iriam aprovar ou não o uso do ônibus pelos idosos. A Vereadora Sílvia recordou o momento em que começou a mostrar o que realmente havia acontecido, Secretários, Secretárias, Diretores de Secretarias, Diretor de Escola e alguns diretores comissionados começaram a gritar, a faltar com respeito não somente como os Vereadores, mas também com os idosos e muitas outras pessoas que estavam lá e não sabiam o que estava acontecendo. Sílvia mostrou a sua indignação pela Prefeita usar R$ 980,00 para pagar o transporte para um grupo de pessoas ir a Chapecó, enquanto esse dinheiro poderia ser usado em benefício aos idosos. A Vereadora disse ainda que todas as Igrejas tem direito ao transporte e não apenas uma, como aconteceu.
O Vereador Milton Bertoldi se solidarizou com a família Norberto da Luz, do Distrito de Maratá pelo falecimento de Pedro Norberto da Luz. Ele também comentou que assim como as Vereadoras que visitaram as famílias, visitou as famílias atingidas com a ação do vendaval e do granizo no interior do Município. O Vereador Bertoldi comentou da complexidade e da responsabilidade dos trabalhos prestados pela Secretaria Municipal de Saúde que, assim como as demais secretarias, atravessa por um período de dificuldades por falta de recursos. Milton Bertoldi falou ainda que já foi liberado transporte pelo Governo Municipal a varias outras igrejas, tanto evangélicas quanto católica. Por fim, enalteceu e parabenizou o Vice-Prefeito pelos trabalhos prestado junto ao Governo Municipal também na condição de Secretário Municipal de Transportes e Obras e Serviços Públicos.
A Vereadora Paula Andréia Baldissera lamentou pelo tumulto que aconteceu na Sessão Ordinária da semana passada na Câmara de Vereadores. A Legisladora explicou que foi feito apenas um comunicado ao Ministério Público sobre denúncias que chegaram até os vereadores. Conforme ela, em momento nenhum os Vereadores impediram que fosse fornecido o transporte a qualquer entidade porque os Vereadores não tem o poder de proibir, somente de fiscalizar e quem vai dizer se o transporte foi feito de forma legal ou não vai ser o Ministério Público. Paula Baldissera parabenizou os funcionários públicos pela passagem do dia a eles dedicado que ocorreu no dia 28 de outubro, mas cobrou da Prefeita mais valorização dos servidores e tratar a todos sem distinções. Por fim, a Vereadora cobrou vários serviços de manutenção de estradas de acesso no Municipio.
O Vereador Gleicon Cardoso também lamentou pelo tumulto provocado por alguns militantes partidários e alguns funcionários da Prefeita, conforme foi observado nas câmeras de videomonitoramento. Lamentou por alguns funcionários utilizarem o horário de trabalho para ir visitar idosos e inventar conversas sobre a denúncia feita ao Ministério Público. O Vereador Gleicon afirmou que os Vereadores nunca foram contra os idosos e a Efapa. Ele enfatizou que já foi até aprovada a concessão de um veículo van para a Efapa e foi aprovado também o valor de R$ 50 mil para o Independente. Gleicon Cardoso também mostrou-se indignado com a Prefeita tirar o dinheiro das pessoas mais necessitadas na Assistência Social para pagar o transporte a algumas pessoas fazer protesto em Chapecó. Ele avisou que se isto acontecer de novo, ele assinará nova denúncia e assumirá pelos seus atos.
 
O Senhor Presidente da Câmara Municipal de Vereadores de São Domingos, Vereador Abílio Vlademir Debortoli, pediu desculpas pelo Poder Legislativo de São Domingos e por suas atitudes tomadas na última Sessão, a toda a população de São Domingos, por tudo o que aconteceu, mas enfatizou que quem fez todo esse o tumulto o povo sabe quem foi. Abílio afirmou que os Vereadores estão trabalhando para lutarem juntos e não vão parar de lutar por São Domingos porque, conforme ele explicou, esse período passa. Depois, o Presidente Abílio, encerrou a Sessão marcou a próxima reunião para a próxima terça-feira (07), às 19h, no Plenário da Casa Legislativa Municipal.